Qual o benefício da Humanização da sua comunicação nos e-mails?
Laptop in a coworking space

por Agência Zíriga

Qual o benefício da Humanização da sua comunicação nos e-mails? Sabemos que existem diversos canais para que as empresas possam se relacionar com seus clientes, notificações nos navegadores, chats, redes sociais, messenger e, é claro, o e-mail, são algumas opções.

Com tantas ferramentas disponíveis para construir esse relacionamento, é normal que as empresas comecem a se questionar sobre a eficiência de cada uma delas, principalmente em relação ao e-mail marketing, uma opção que acompanha a evolução da tecnologia desde o início e vem passando por incríveis mudanças nos últimos anos.

Como você tem usado dados a favor da sua estratégia de marketing? De acordo com dados da Content Marketing Institute, 93% dos profissionais de Marketing utilizam e-mail para distribuir conteúdo e de acordo com 40% dos profissionais, as newsletters são parte decisiva para o sucesso de uma estratégia de Marketing.

Inteligência Artificial e benefícios da automação

Em tempos onde Inteligência Artificial e Machine Learning estão em alta, os canais digitais de atendimento das empresas tem passado por mudanças. Diferente da fantasia criada pelos cinemas, os robôs e outras tecnologias são utilizadas para assumir funções importantes na nossa rotina, como por exemplo, falar com seus clientes através dos seus canais, auxiliando, sanando dúvidas ou eventuais problemas de maneira muito mais rápida.

Além de gerar eficiência operacional no processo de atendimento – uma vez que essas ferramentas estreitam a relação da empresa x cliente – existem outros benefícios claro. Otimização do processo, correção de erros e precisão da coleta de dados acontecem muito mais rápido e são fundamentais para aprimorar a sua estratégia. 

Por que usuários preferem marcas humanizadas?

Da mesma maneira que a internet passou por mudanças importantíssimas nos últimos anos, os consumidores também desempenham um papel cada vez mais importante na vida das empresas, atualmente, esse papel é ainda mais ativo em processos de busca, comercialização e na otimização do seu produto ou serviço.

Pode-se dizer que, hoje, o grande protagonismo das empresas vai além do preço e qualidade do serviço, a preocupação com o cliente tem ocupado esse lugar. Considerando esse aspecto, é possível afirmar que as pessoas preferem marcas humanizadas porque sentem que podem influenciar seus objetivos através do acompanhamento e apoio, além, claro, de se sentir parte de algo, ou seja, não basta apenas criar algo para o seu público, a ideia de envolvê-lo em todo processos de melhoria e otimização têm se mostrado ainda mais útil e certeira. 

Tá, mas, e os e-mails?

Como a gente comentou lá em cima, o e-mail é o canal que, apesar de todas as mudanças, continua vivo. Essas transformações acrescentaram, de maneira super construtiva para utilização deste canal. Em uma era onde as pessoas não querem lidar com propagandas indesejadas, o benefício da Humanização da sua comunicação nos e-mails se da quando seu e-mail aberto na caixa do usuário é realmente importante e valioso.

Para que a taxa de cliques do seu e-mail aumente, é preciso estar atento a questões importantes na hora de criar uma comunicação com os seus usuários. Assim como as empresas precisaram aprender a ser mais humanas em seus contatos, isso também deve acontecer e ser representado através do e-mail, afinal, este canal está cada vez mais personalizado e os conteúdos devem estar alinhados com o que as pessoas precisam ou desejam, e neste momento, é o seu tom de voz que vai garantir uma potencial conversão.

Lições e vantagens

É importante estar claro que a utilização do e-mail não deve ser considerada apenas como “mais um canal”. Com listas segmentadas alinhadas á um conteúdo personalizado, as chances do aumento da taxa de abertura são mais autênticas. De acordo com a Lyris Annual Email Optimizer Report, empresas que segmentam sua lista de email apresentam uma taxa de abertura de 39% maior e 28% menos contatos optam por não receber emails. 

Qual experiência você está propondo para o seu consumidor? Essa deve ser a pergunta central do email que você está disposto a enviar. Ao invés de ficar empurrando produtos, serviços ou soluções que eles não precisam, entender essa necessidade e propor soluções pensadas trazem grandes resultados, além de potencializar suas estratégias de segmentação de público e envio de conteúdo. De acordo com o Mailchimp, campanhas de email marketing segmentadas alcançam 14,32% maiores taxas de abertura do que as que não são segmentadas. 

A gente sabe que a experiência do consumidor com a sua marca acontece através da experiência multicanal, afinal, a relação se dá não só por e-mail, mas também por chat e redes sociais. Aproveitar o e-mail como protagonista dessa relação representa escolher qual a maneira mais assertiva de falar com o seu cliente, você tem pensado com carinho em como utilizar essa ferramenta?