Dentre os conceitos que definem os modelos de startups, há dois que são costumeiramente contrapostos e comparados. São os de Startups Lifestyle e Startup Business, estilos inovadores de negócios, mas que possuem características bastante distintas.

Desde que surgiram as primeiras startups, lá nos anos 90, o mercado tem ficado cada vez mais favorável para quem quer empreender. Mas existem modos diferentes de encarar os negócios, e os conceitos de Startup Business e Startup Lifestyle nos ajudam a entender esses modos. Veja tudo o que você precisa saber sobre as diferenças.

O que é Startup Business

O modelo business indica lucro, ou seja, a empresa está explorando um produto, um público e um modelo de negócios que visa, diretamente, o lucro exponencial. Como ainda não está consolidada e tenta explorar um impulso inicial, ela tende a refrear o lucro para se estabelecer como negócio lucrativo.

Como normalmente acontece com startups, seu produto ou serviço normalmente está relacionado à inovação. É o exemplo de ferramentas que facilitam a vida da sociedade e constroem valor em cima disso. Como costuma acontecer, as startups estão diretamente ligadas à tecnologia. Não é à toa que o início deste modelo de negócios se deu nos anos 90, quando surgiram diversas empresas “ponto com”, como o Google.

Nesse sentido, podemos dizer que uma Startups Business procura crescimento e expansão, adotando processos e estratégias similares aos das grandes empresas, porque no fundo, busca ser uma delas. O fundador, portanto, não precisa estar diretamente ligado à produção ou a criação do produto ou serviço. Ele precisa procurar, no entanto, pessoas que estejam dispostas a apostar na sua ideia, propagar a empresa e viver em busca do desenvolvimento dela. Essa, evidentemente, é uma das tarefas mais difíceis.

Por ter esse caráter de expansão, e ao mesmo tempo estar em fase inicial, as Startups Business normalmente precisam ir atrás de investidores. E isso a difere totalmente de um modelo lifestyle.

O que é Startup Lifestyle

O termo sugere os negócios como estilo de vida. Um empreendedor lifestyle deseja trabalhar com algo que ama para garantir o sustento necessário para manter um certo padrão de vida. No entanto, ele não está interessado em expandir a empresa, contratar funcionários, adotar processos, criar filiais, franquias etc.

O perfil de um profissional que opta por levar um estilo de vida nos negócios costuma ser o de alguém independente e flexível. Prefere não ter horários específicos para trabalhar, nem um número de horas a cumprir. Gosta de um bom padrão de vida, mas sem se preocupar com o lucro exponencial. Seu trabalho é mais arriscado que o de um empregado, mas ele não está comprometido com o crescimento da empresa que representa.

Outra característica, é a de ter um trabalho mais simples, sem tantos processos. Além disso, por ser normalmente independente, o custo é pequeno em relação a uma startup convencional. Contudo, ele sabe que não se trata de “pouco trabalho e muito dinheiro”, pois precisa trabalhar, sim, para usufruir e manter a quantia desejada.

Qual é o seu modelo de startup?

Diante de diferenças tão claras, qual é o modelo ideal para você, o das Startups Business ou das Startups Lifestyle? Se você possui bem claro na mente onde quer chegar, você já sabe!